Manaus, 10 de Dezembro de 2018
Siga o JCAM:

Vendas diretas apostam no Natal

Por: Andréia Leite
06 Dez 2018, 11h18

Crédito:Andréia Leite
Cerca de 4 milhões de brasileiros que trabalham com vendas diretas esperam lucrar com o período das festas de fim de ano. A oportunidade traz ganho extra e também é considerada uma fonte de renda. A ABEVD (Associação Brasileira de Empresas de Vendas Diretas), não tem uma estimativa para as vendas de fim de ano, mas espera que 2018 feche com um faturamento 2% ou 3% maior do que o do ano passado.

A presidente executiva da ABEVD, Adriana Colloca, diz que a data traz estímulo para as compras e o setor de vendas diretas não fica atrás. "Na venda direta, tradicionalmente, o período de final de ano gera grandes expectativas de bons resultados para toda a cadeia produtiva, desde as empresas até os empreendedores independentes. O setor oferece as mais diversas opções de presentes e lembrancinhas para amigos e familiares de baixo ou alto valor, além de praticidade de ser entregue na porta da sua casa, sem stress. As categorias de produtos vão desde roupas e acessórios, artigos para o lar, cuidados com a saúde, produtos de beleza para os pés e cabelos, rejuvenescedores e até cosméticos e serviços financeiros".

Outra característica importante do setor de vendas diretas mencionados por ela é que o empreendedor independente age como consultor. "A venda é feita por relacionamento, pode ser pessoalmente ou usando a tecnologia, e com isso os benefícios dos produtos são apresentados de acordo com a necessidade do cliente."

Segundo dados da ABEVD, 43%,3 dos brasileiros que atuam no mercado são homens. Comprovando o levantamento, a praticidade da entrega de produtos em mãos, levou o empreendedor independente, Sérgio Oliveira, consultor da empresa Natura buscar as vendas diretas como alternativa. Para ele as vantagens são variadas, além das promoções em diversos kits o custo benefício é vantajoso. "Já estamos com os kits preparados e com os catálogos repletos de novidades para atender os nossos clientes. Estou cheio de encomendas e espero que isso reflita num bom lucro". Consultor há quatro anos, para gerenciar os negócios ele tem a tecnologia como aliada. "O WhatsApp facilita bastante porque não deixa ser um instrumento de organização e não deixa de ser o nosso escritório virtual".

A Natura tem no seu portfólio cerca de mil produtos disponíveis para venda direta. A empresa estima um crescimento 80% no desempenho operacional da companhia nos próximos cinco anos. No terceiro trimestre deste ano, a empresa teve lucro líquido consolidado de R$ 132,8 milhões, mais que dobro do resultado apurada um ano antes, impulsionada por despesas financeiras menores e firme resultado operacional. Além da campanha, as novas embalagens de presente terão um cartão que, além do tradicional "De - Para", contará com um espaço para que os consumidores escrevam o "porquê" de estarem presenteando o próximo.

O casal de empreendedores Giordana Derzi e David Melo também fazem parte do rol de representantes do segmento. Giordana conta que o casal está há pelo menos um ano e meio nesse tipo de serviço. Trabalhando com linhas de perfumaria e cosméticos, especificamente com vendas de perfumes de bolso, que segundo ela, tornaram-se tendência no Brasil, o faturamento garante um retorno satisfatório. Representantes da marca Amakha Paris, Giordana diz que para o Natal, a empresa está investindo forte em campanhas de publicidade. "É um ótimo período para divulgação e expansão dos nosso negócios. Mês passado tivemos a Convenção Nacional da empresa , e foram lançados mais de 60 novos produtos, incluindo mais de 33 fragrâncias diferentes de Parfum. Nosso portfólio já conta com mais de 200 produtos de extrema qualidade e preços acessíveis. Atualmente nosso carro-chefe são os perfumes de 15ml, que são inspirados nas fragrâncias mais desejadas do mundo, com uma fixação de 24 horas na pele", detalhou. Neste fim de ano a empresa projeta um aumento de 57% porque é um período de comemorações.

Conforme Giordana Derzi, uma das principais características do mercado de vendas diretas é fazer a intermediação entre o cliente final e a fábrica, consequentemente o consumidor terá em mãos um produto de extrema qualidade a um preço acessível. "Nessa dinâmica ambas as partes se beneficiam, pois de um lado temos o consultor da empresa que consegue ter ótimos lucros e do outro lado temos um cliente muito satisfeito com o preço e com a qualidade", frisou. A casal possuí um perfil no Instagram que facilita as vendas e destaca a vitrine dos produtos @líder.amakhaparis

"Estou há 8 anos como consultora de beleza. E de início entrei pois amei os produtos de qualidade e precisava de uma renda extra. Trabalhava em uma empresa e perto de completar um ano de vendas diretas, saí da empresa para ficar somente neste ramo de cosméticos", a declaração é da consultora da Mary Kay,Carla Ramos que coordena uma equipe e comemora a opção de administrar o próprio horário com mais qualidade de vida e tempo para a família. A empresa possui quase 500 produtos no case portfólio disponíveis atendendo clientes do sexo masculino e feminino. Para a consultora o fim de ano é de extrema importância para o setor, pois é uma época onde acontecem muitas confraternizações e trocas de presentes que garantem aumento significativo nas vendas dos produtos. "As pessoa têm festas no trabalho, na igreja, na família, na escola.. então tem muita demanda por kits de presentes. Fora as vantagens que o cliente tem comprando através da venda direta. Ela cita, consultoria, um personal shopper, ou seja, alguém que vai te ajudar a presentear com um valor planejado. Além de ajudar a decidir quanto o cliente pode investir nos presentes pra cada pessoa e monta kits de acordo com sua escolha. "Detalhes como presentes já embalados, comodidade e economia no tempo, fazem a diferença na hora de optar pela venda direta", disse.

Saiba mais

Cada 1 milhão de reais investidos em vendas diretas - modalidade de comércio que não depende de estabelecimento físico - implica o recolhimento de aproximadamente R$ 415 mil em impostos, em um modelo de economia que mobiliza diferentes classes sociais e se popularizou em todos os cantos do Brasil, das grandes cidades à zona rural. Na indústria, essa arrecadação é de aproximadamente R$ 350 mil.
Só no ano passado, o setor, mesmo diante de um cenário de retração na comparação com 2016, ele recrutou 4,1 milhões de empreendedores e movimentou R$ 45,2 bilhões. Os números são ABEVD, entidade que conta com 52 associadas e inclui gigantes como Natura, Herbalife, Mary Kay, Avon, Amway e Tupperware.
Benefícios para quem adere ao setor de vendas diretas

Vantagens do modelo

Igualdade: Qualquer pessoa com mais de 18 anos pode ser um empreendedor independente. Os ganhos dependem apenas do seu esforço.
Renda: Há duas opções: quem trabalha em tempo integral tem a oportunidade de conseguir uma renda de acordo com seu esforço de trabalho; se for para conciliar a atividade com outra função, há a possibilidade de uma renda extra no orçamento.
Horários: Há a liberdade para escolher o quanto de tempo será utilizado por dia e/ou por semana para trabalhar, com total flexibilidade.
Próprio chefe: Defina suas metas e como deseja alcançá-las. Cabe a você escolher quais são seus clientes e quais as estratégias deve usar para abordá-los.
Investimento: O valor para aderir ao setor de vendas diretas é muito baixo e, às vezes, nem é preciso uma quantia inicial.
Desenvolvimento pessoal: As empresas oferecem treinamento de vendas e dicas de marketing para administrar os negócios.
Relacionamento: o contato direto proporcionado pelo setor ajuda a desenvolver relacionamentos comerciais e novas amizades.
Facilidade para deixar a atividade: como não há vínculo empregatício como as empresas, o revendedor pode deixar as vendas diretas no momento que julgar oportuno. Inclusive, os produtos em estoque podem ser recomprados pelas empresas associadas caso haja nota fiscal e condições de serem vendidos.

Comentários (1)

  • Marcellus06/12/2018

    Esse eu conheço é um casal de muito sucesso!
    Parabéns Divid Melo e Giordana

Deixe seu Comentário