Manaus, 20 de Julho de 2017
Siga o JCAM:

Armadores cobram segurança nos rios

O segmento da navegação amazonense amargou, nos últimos dois anos, uma média de R$100 milhões em prejuízos, a cada ano, decorrentes de assaltos às embarcações nos trechos das rotas Manaus/Belém (PA) e Belém/Manaus, no Alto Solimões. Do total de cargas roubadas, 70% é relacionado aos combustíveis transportados. Além das perdas materiais, as tripulaç...


Armadores cobram segurança nos rios

O segmento da navegação amazonense amargou, nos últimos dois anos, uma média de R$100 milhões em prejuízos, a cada ano, decorrentes de assaltos às embarcações nos trechos das rotas Manaus/Belém (PA) e Belém/Manaus, no Alto Solimões. Do total de cargas roubadas, 70% é relacionado aos combustíveis transportados. Além das perdas materiais, as tripulaç...


Sindarma cobra segurança policial nas hidrovias

O setor da navegação registrou, na primeira quinzena de janeiro, um aumento estimado em 10% no volume de cargas roubadas em rotas nos rios da Região Norte, em comparação a dezembro de 2016. O Sindarma (Sindicato das Empresas de Navegação Fluvial no Estado do Amazonas) pleiteia junto ao Ministério da Justiça e à SSP/AM (Secretaria de Segurança Públi...