Manaus, 13 de Dezembro de 2017
Siga o JCAM:

Em busca de gestão profissional nos barracões

Todo ano é a mesma história. Se não tiver dinheiro do governo do Estado e da prefeitura, as escolas de samba de Manaus não conseguem colocar seus carros alegóricos e brincantes na passarela do samba, no sambódromo, nos dois dias de carnaval. Este ano, por causa da crise econômica que assola o país, até os 45 minutos do segundo tempo o repasse da ve...